Moodle 2 – Novidades da plataforma eLearning Moodle

O Moodle é uma plataforma e-learning, usada mundialmente por mais de 34 milhões de pessoas e com aproximadamente 50.000 de sites registados.

Lançada em Julho de 2010, a versão Moodle 2.0 trouxe muitas novidades e melhorias, desde a disponibilização de novas funcionalidades, até à melhoria da interface com o utilizador ou ao desenho interno da plataforma. Aqui serão referidas principalmente as características que de alguma forma se tornam visíveis para formandos e formadores e que poderão permitir uma utilização mais eficaz da plataforma Moodle.

Principais novidades do Moodle 2

Hubs comunitários

Os hubs disponíveis no Moodle 2 são essencialmente directórios de cursos para uso público ou para comunidades privadas.

Uma instituição ou um professor podem utilizar estes servidores agregadores para disponibilizar ou publicitar os seus cursos ou então podem procurar cursos feitos por terceiros para usarem como templates.

Na imagem pode ver-se uma caixa de pesquisa de cursos em que se indica o nível educacional, o assunto, o tipo de licença, a língua e as palavras-chave associadas a esse curso.

Suporte de Repositórios

Para disponibilizar ficheiros no Moodle 2, já não é necessário fazer o seu upload se eles estiverem disponíveis num repositório ou outro local na Web. O suporte de repositórios é também extremamente útil quando se pretende disponibilizar o mesmo conteúdo em plataformas Moodle diferentes, pois deixa de ser necessário duplicar esse conteúdo.

O suporte de repositórios dá-se ao nível do Moodle, pois sempre que se vai disponibilizar um ficheiro são listados todos os repositórios disponíveis ao utilizador.

Embora novos repositórios possam ser desenvolvidos., o Moodle 2 permite já descarregar ficheiros do Alfresco, do Flickr, do Google Docs, dum álbum Picasa, dum sítio Moodle remoto, videos do YouTube, entre outros.

Controle da conclusão de actividades e cursos (course /activity completion)

Com o controlo de conclusão do Moodle 2, é possível que formadores indiquem condições a respeitar para que actividades ou cursos e-learning possam ser considerados concluídos.

Ao especificar as condições de conclusão de actividades e cursos, é possível controlar o progresso dos formandos ao longo de um ou mais cursos e-learning.

Na imagem em baixo é apresentado um excerto da página de configuração duma actividade na plataforma Moodle que permite definir as suas condições de conclusão.

Actividades condicionais

No Moodle 2 todas as actividades podem ser condicionais, isto é, elas só ficarão disponíveis, depois de por exemplo, os formandos terem atingido uma classificação ou terminado outra actividade numa data limite. As actividades não disponíveis podem ficar completamente escondidas ou aparecer menos destacadas.

A imagem seguinte mostra parte da página de configuração duma actividade do Moodle 2 indicando as situações em que ela deve ser marcada indisponível.

Grupos a nível da plataforma (Cohorts)

Talvez a funcionalidade mais pedida nas anteriores versões do Moodle era a possibilidade de definir grupos de utilizadores ao nível da plataforma. Esta funcionalidade foi finalmente implementada no Moodle 2 com o nome “Cohorts”, que não são mais do que colecções de utilizadores cujos membros podem ser inscritos em simultâneo, manual ou automaticamente, num curso.

Novos blocos do Moodle 2

Foram adicionados quatro novos blocos, Comentários, Ficheiros privados, Comunidade e Estado. Se um curso possuir o bloco Comentários, os utilizadores podem adicionar comentários, o que se pode tornar bastante útil para ter feedback rápido por parte dos utilizadores.

Ficheiros privados, dá acesso a um repositório de ficheiros para cada utilizador com suporte de quotas. Comunidade, mostra informação de cursos externos em que demonstrámos interesse. E por fim, Estado, que permite acesso rápido ao estado de todos os nossos cursos.

Melhorias visuais do Moodle 2

Novo Editor de HTML

É usado um novo Editor HTML, compatível com mais navegadores Web e que pode ser redimensionado.

Navegação mais amigável

O AJAX – que permite que apenas parte duma página seja carregada – é utilizado de forma mais consistente no novo Moodle 2, dando a possibilidade ao utilizador de fazer uma utilização mais rápida e mais agradável da plataforma.

Os blocos do Moodle 2 podem agora ser adicionados em todo o lado, incluindo no centro das páginas e podem também ser ancorados num dos lados do ecrã, possibilitando libertar espaço e aceder de forma mais fácil aos vários comandos.

 

Outras melhorias do Moodle 2

O sistema Backup 2 do Moodle foi completamente reescrito: já não está limitado pela memória do servidor, o que se tornava problemático para cursos e-learning muito grandes.

Os Blogs suportam comentários em todos os tópicos e é possível fazer a sincronização com feeds de blogs externos.

No Moodle 2 é possível usar vários métodos de inscrição em simultâneo (não existindo a limitação, como nas anteriores versões do Moodle, de utilizar apenas alguns desses métodos).

Todos os ficheiros são agora guardados pelo Moodle com os seus metadados, sendo assim possível evitar-se a duplicação desses ficheiros.

O “My Moodle”, uma página que cada utilizador pode costumizar e onde apenas são mostrados os seus cursos e-learning, foi melhorada, passando a ser mais personalizável e com a possibilidade de incluir novos blocos.

Os perfis de utilizador ao nível da plataforma, agora suportam blocos, notícias e feeds bem como informação específica do curso se forem vistos a esse nível.

por Marco Sebastião

Referências:

http://docs.moodle.org/en/Moodle_2.0_release_notes

2017-04-28T10:20:19+00:00 Outubro 11th, 2013|